Notícias Joaçaba Geral

Plataforma da Acafe reúne inovação e potencialidades das universidades comunitárias

Por: Adriano França
imprensa@unoesc.edu.br
19 de Julho de 2021

A Plataforma de Inovação das Instituições Comunitárias do Estado de Santa Catarina (PIIC), é resultado de uma parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) e apoio do Ministério da Ciência e Tecnologia do Brasil (MCTIC). Lançada em junho deste ano, a plataforma tem como objetivo organizar em um só ambiente as competências, vocações e potencialidades das universidades comunitárias de Santa Catarina.

— Acreditamos que é um marco na história da nossa Acafe e servirá como base estratégica para o fortalecimento do nosso trabalho por meio das Instituições Comunitárias que, brilhantemente, desenvolvem um papel fundamental para o desenvolvimento do estado de Santa Catarina — explica o presidente da Acafe e Reitor da Unoesc, professor Aristides Cimadon.

A PIIC promoverá maior interação com os setores públicos e privados através de projetos transversais entre as Instituições de Ensino Superior (IES) para atender demandas dos setores de toda a nossa região.

De acordo com o secretário do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, Paulo Alvim, as universidades comunitárias brasileiras cumprem um papel estratégico no que se referem em pesquisa e extensão, os resultados dessas iniciativas já são vistos em todo território nacional e em especial nos territórios onde elas se situam.

— A proposta da ACAFE com a plataforma das comunitárias é estratégica, porque além de mostrar as competências existentes nestas universidades, a capacidade laboratorial que está à disposição da sociedade, além dos projetos que ela está desenvolvendo vão permitir uma maior interação com o setor produtivo, com isso ganham os ecossistemas onde elas se instalam, o setor empresarial brasileiro, mas principalmente, o ecossistema de inovação nacional — destacou o ministro.

Já para o presidente da Fapesc, Fábio Zabot Holthausen, as concexões entre as universidades os setores empresariais, o governo e a sociedade são essenciais para a geração de desenvolvimento economico social sustentaveis, assim como para a geração de inovaçao e novos empreendimentos, a plataforma das universitárias comunitárias do sistema Acafe vem ao encontro desse desafio.

— O Governo de Santa Catarina, por meio da FAPESC, está atento a esse movimento, e acreditando nas interlecuções dos pesquisadores, emprrendedores e gestores, para agilisar as soluções dos problemas, nas mais diverssas áreas da sociedade, a geração de conhecimento e oportunidades proporcionadas pelas universidades comunitárias é decisiva para Santa Catariana, a Fapesc está atenta a esse movimento — destacou Fábio.

O projeto para a criação da plataforma foi coordenado pela Unoesc e custeado pelo valor de R$ 450 mil reais, disponibilizado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações por meio da Emenda Parlamentar, referente ao Termo de Fomento 01.008.00/2019, Plataforma +Brasil nº 883227/2019, articulada pelo do Senador Jorginho Mello, pela Deputada Federal Carmen Zanotto e pelo Deputado Federal Pedro Uczai.

Galeria de Fotos

Comentários

Voltar Imprimir Notícia
Acesse o site da Unoesc pelo seu celular.