Notícias Xanxerê Mestrado

Mestrado em Sanidade e Produção Animal realiza atividades sobre empreendedorismo e inovação

Por: Eliza Marta Chiarello
marketing.xxe@unoesc.edu.br
22 de Dezembro de 2021

Durante o mês de novembro e dezembro, os alunos do Programa de Pós-graduação em Sanidade e Produção Animal da Unoesc (PPGSPA), orientados pela professora doutora Graciele Tonial, realizaram atividades com foco no empreendedorismo e na inovação.

As atividades ocorreram na disciplina de Empreendedorismo e Marketing Rural, com o objetivo de desenvolver novos modelos de negócio a partir das ideias de projetos para as dissertações, considerando o cenário de tendências e perspectivas de inovação no agronegócio.

Os projetos foram desenvolvidos por meio da metodologia de Design Thinking, utilizando técnicas de brainstorming e ferramentas como Canvas e o Bussines Model Canvas.

Ao final da disciplina, no dia 11 de dezembro, aconteceu a banca de apresentação dos pitch das ideias de negócios. A banca foi formada pela coordenadora de Pesquisa, Pós-graduação, Serviços e Inovação da Unoesc Xanxerê, professora Marcieli Maccari, pelo coordenador do Hospital Veterinário da Unoesc Xanxerê e do Programa Tecnologia, Empreendedorismo e Inovação da ACIX (TEIA), professor Realdo Tavares dos Santos, pelo empreendedor Gustavo Damschi, investidor e consultor em empreendedorismo e inovação, além de professores da Unoesc.

O acadêmico Dino Garcez relata que considerou a atividade bastante produtiva.

— Num primeiro momento, analisamos as tendências de mercado de cada segmento e, posteriormente, montamos um modelo de negócio com base nos respectivos projetos de mestrado dos alunos da turma. Desde a concepção do projeto, no meu caso, avaliei com a minha orientadora, professora Lilian Kolling Girardini, a possibilidade de incluir um tema que fosse relevante para o segmento de avicultura, focado em avaliar compostos inovadores para o controle de Salmonella de origem aviária. Com a realização do seminário foi possível verificar que há um potencial de faturamento considerável nestes compostos quando transformados em aditivos nutricionais. Assim, fiquei muito satisfeito com o resultado do modelo de negócio e também por aplicar a metodologia ensinada — relata Dino.

A professora Graciele destaca que a proposta foi desafiadora, mas muito proveitosa.

— Foi possível observar o grande potencial por parte dos estudantes, com interesse em trazer soluções engajadas nas propostas de melhorias com base nos estudos de suas áreas de formação e de suas dissertações — comenta a professora.

Para a coordenadora do PPGSPA, professora Giovana Camillo, a disciplina ofertada é um grande diferencial para a vida profissional dos alunos do Mestrado.

— Tenho certeza que também foi desafiador para eles. Porém, o envolvimento dos seus projetos de pesquisa em possíveis ideias de negocio tornou a atividade extremamente aplicável no contexto da sanidade e produção animal. Isso reflete a preocupação do Programa em engajar seus acadêmicos na pesquisa de futuras soluções para problemas regionais, buscando fomentar a cultura do empreendedorismo e inovação no segmento do agronegócio, possibilitando o contato direto com vivências práticas nas diversas áreas da gestão de negócios — finaliza a coordenadora.

*Com informações da professora Graciele Tonial.

Galeria de Fotos

Comentários

Voltar Imprimir Notícia
Acesse o site da Unoesc pelo seu celular.