Mestrado Acadêmico em Biociências e Saúde

Infraestrutura

Laboratórios

Como parte da infraestrutura disponível, em 2014, para o desenvolvimento dos projetos de pesquisa cuja natureza de utilização é interdisciplinar, o Mestrado dispõe de laboratórios utilizados por diferentes linhas de Pesquisa com as seguintes instalações:

Categoria A: Laboratórios Exclusivos para pesquisa

a.1) Laboratório de Doenças Infecciosas e Parasitárias (LDIP): a sala principal tem 76² e a sala de estudo tem 26 m², tem sala para professores, com computadores e impressora. Comporta até 12 pesquisadores. Possui sistemas de eletroforese, micropipetas digitais, forno de hibridização, balanças, centrífuga refrigerada, freezers, refrigeradores, pH-metro, tanque de nitrogênio, espectrofotômetro, leitor de microplacas, ultra freezer, termocicladores e sistema de foto documentação digital. Conta com sala escura para revelação de gel contendo transiluminador e uma área para cultura de parasitos e células com Cabine de Segurança Biológica Classe II-B2, estufas B.O.D, microscópio de transmissão e microscópio invertido. Dispõe de materiais de consumo e reagentes necessários para as análises de DNA/RNA e proteína, microbiologia, imunologia e parasitologia.

a.2) Laboratório de Vetores e Reservatórios de Agentes Infecto-parasitários: possui área de 25 m² com capacidade para 5 pesquisadores. Conta com 5 estereomicroscópios, equipamentos para captura de pequenos mamíferos e insetos vetores, como redes entomológicas, armadilhas CDC, tipo Shanon, Pitfall, outros materiais de apoio de campo e para a dissecação de animais, além de estufas, incubadora, refrigerador e centrífuga.

a.3) Laboratório de Atividade Biológica de Substâncias: possui uma de estudo e sala exclusiva para professores. Com 78 m², comporta até 8 pesquisadores. Possui vidrarias, materiais cirúrgicos, diversas drogas e reagentes adequados às linhas de pesquisa, refrigerador, freezer, balança analítica, lavadora ultrassônica, banhos-maria, equipamentos de analgesia e inflamação, placa quente, analgesímetro de foco, analisador de processo inflamatório, autoclave, analisador fisiológico de pressão arterial PowerLab.

a.4) Laboratório de Genética Humana: com 30 m², comporta até 5 pesquisadores. Possui sistema de eletroforese, micropipetas, capela de exaustão, centrífuga de bancada, geladeira e termociclador. Além disto, os pesquisadores utilizam equipamentos e sala escura do LDIP (A.1). Conta com materiais de consumo e reagentes necessários para as análises de DNA.

a.5) Laboratório de Saúde Bucal: com 75 m² e sala de estudos anexa, comporta até 3 pesquisadores. Possui 3 cadeiras odontológicas, 1 cadeira oftalmoradiológica, raio X, eletro cautério, fotopolimerizador, lavadora ultrassônica, microscópio, placa polimerizadora e equipamentos odontológicos, além de sistema de barreira biológica para ambiente cirúrgico.

a.6) Laboratório de Cineantropometria e Performance Humana: com 120 m², possui sala de estudos com 8 microcomputadores e sala para o professor. Comporta até 15 pesquisadores. Contêm esteira, dinamômetros, ventilômetro, pedômetros, cicloergômetro, simetógrafo, desfibriladorcardíaco, frequencímetros, termo higrômetro, jump test, plicômetros, estadiômetros, flexímetros, dinamômetros, balanças, aparelhos de determinação de lactato e glicose, além de Leitor Dermatoglífico da Salus Tecnologia.

a.7) Laboratório de Uso Comum: este laboratório de apoio, de 45m², possui central de esterilização com 2 autoclaves e 2 estufas de esterilização, sistemas de purificação de água destilador, deionizador e ultrafiltração (tipo Milliq), máquina de gelo, balança analítica, capela de exaustão, incubadora, pH-metro, microscópios e 1 microscópio acoplado sistema digital de processamento de imagem.

a.8) Biotério: com 63 m², possui 2 salas para manutenção e experimentação, 1 sala exclusiva para a infecção de animais com agentes infecto parasitários como protozoários e bactérias. É regido pelas normas do CONCEA. Tem freezer horizontal, ambiente climatizado, temperatura e luminosidade controlada, alimentação balanceada e procedimentos de troca da cama com maravalha de madeira não tratada, além de um veterinário e um técnico responsável pela manutenção. Tem capacidade de manutenção de 300 ratos/camundongos (ratos WistarKyoto e camundongos Swiss albino). Em anexo há um Laboratório de Cirurgia Experimental, com 80 m2, distribuição de ar comprimido e oxigênio, cardiomonitores, balanças digitais, oxímetro de pulso, ventiladores, instrumentação cirúrgica.

Categoria B) Laboratórios de Atividades de Ensino Prático da Pós-Graduação

b.1) Laboratório de Microbiologia: possui 78 m² e conta com estufas bacteriológicas, refrigerador, contador de colônias, centrífuga, microscópios, bicos de bunsem, reagentes e vidrarias necessários para atividades práticas nestas áreas. Atividades de ensino vinculadas à linha de pesquisa: Investigação dos fatores biológicos no processo saúde-doença.

b.2) Laboratório de Biologia Celular: com 74 m², possui microscópios, cabine de segurança biológica, micrótomo, vidrarias e reagentes para práticas como cultura, manipulação e visualização de células. Atividades de ensino vinculadas as linhas de pesquisa Investigação dos fatores biológicos no processo saúde-doença e Diagnóstico, prognóstico e intervenção na saúde.

b.3) Clínica Odontológica: possui 90 m² e conta com equipo odontológicos, cadeira de Raio X e demais equipamentos de uso odontológico. Atividades de ensino: vinculadas a linha de pesquisa Diagnóstico, prognóstico e intervenção na saúde.

b.4) Laboratórios de Informática: a Unoesc tem 6 laboratórios de informática com 280 computadores disponíveis aos alunos, com acesso à internet e programas de estatística.

 

Recursos de Informática

Os 6 (seis) laboratórios de informática dispõe de 280 computadores aos alunos, com acesso à internet e programas de estatística, dispondo de recursos de informática acessíveis aos docentes e estudantes do Programa via cabo e internet sem fio, o que possibilita o acesso remoto em qualquer parte do campus.

Estão disponíveis, além de programas básicos do Windows: Internet Explorer, Mozilla Firefox,Microsoft Office, programas como: AutoCad, Adobe Reader, Adobe Indesign, CD Virtual,DAEMON, Corel Draw, Delphi, DeV C++, EdCam, Epibuco, Epi Info, Front Page Express, Mat Lab, Mplab, Macromedia, Microsoft Acess, Microsoft Project, Microsoft Visio, ORACLE, Page Maker, Photoshop, Pleo, Produsoft, QiCAD Eberick, Solid Edge, Studio MX, Topograf e vários programas em versão trial ou gratuitos: Netbeans, Vegas, Sound Forge, BROffice, Eclipse, Softinv, Ftool, Jude,FireBird e Skype.

O Mestrado em Biociências e Saúde possui acesso ao software Statistica e tem à disposição um amplo Sistema Acadêmico, que inclui Portal de Ensino, bem como o acesso ao ambiente virtual da Unoesc, de qualquer computador ligado à rede mundial de computadores pelos alunos e professores.

 

Biblioteca

O acervo geral da Unoesc está distribuído entre todas as suas bibliotecas sendo que cada uma possui acervo próprio, porém todos estão integrados, permitindo aos usuários acesso a qualquer obra de qualquer uma dessas bibliotecas. Pelo site da Unoesc pode ser consultado o acervo, fazer reservas, renovar empréstimos e consultar a posição atual e o histórico das obras. Desta forma garante universalidade de acesso remoto aos usuários ao oferecer informações pela internet. Também se respeita normas de acessibilidade oferecendo terminais de consulta adaptados a deficientes físicos e assistência pessoal especializada.

Os docentes e estudantes do Mestrado em Biociências e Saúde têm acesso à Biblioteca do Campus II de Joaçaba, sede do Programa, do Campus I localizado na mesma cidade, assim como às bibliotecas dos demais campi da Unoesc (Videira, Xanxerê, São Miguel do Oeste e Chapecó). As bibliotecas funcionam das 7h30min às 22h30min (de segunda à sexta-feira) e, aos sábados, das 7h30min às 15h30min. Para atender às necessidades de ensino e da pesquisa, a Unoesc dispõe de um dos maiores acervos do Estado de Santa Catarina. Em conjunto são mais de 250.000 títulos de livros e mais de 700 assinaturas correntes de periódicos. Nas áreas afins ao Programa, ciências biológicas, ciências da saúde e ciências sociais aplicadas, dispõem de um conjunto de mais 80.000 títulos de livros. Conta ainda com 7.400 vídeos e CD-ROM educacionais de todas as áreas do conhecimento.

A Unoesc adota a política de expansão semestral do seu acervo, considerando as demandas apresentadas pelos docentes de seus cursos e programas de pós-graduação.

O acervo de todas as bibliotecas recebe tratamento técnico dentro das normas internacionais de catalogação AACR2 (Código de Catalogação Anglo-Americano), em linguagem US MARC (Machine Readable Catalog). A classificação adotada é a CDD (Classificação Decimal Dewey) e, para o estabelecimento de cabeçalhos de assunto, são adotados os padrões da Biblioteca Nacional, organizando-se por áreas do conhecimento, portanto, áreas temáticas.

A Biblioteca de Joaçaba, local de oferta do Mestrado de Biociências na Saúde, ocupa uma área de 2.105 m². Dispõe de 4 salas de estudo, 26 mesas e 23 cabines individuais, com 960 m² de área útil para estudo individual ou coletivo, com capacidade para aproximadamente 200 usuários sentados. Para acomodação do acervo tem uma área de 390 m². Apresenta ainda uma sala multimídia equipada com televisão, videocassete e DVD com capacidade de 21 usuários sentados, uma sala de acervo de obras especiais e uma sala para coleção de multimeios e jornais. No campus II, encontra-se a biblioteca setorial com 76 m².

A Biblioteca da Unoesc dispõe de acesso ao Portal de Periódicos CAPES: o sistema está disponível para consulta pelos docentes e discentes da Unoesc, inclusive, a partir de suas residências. A Unoesc tem acesso às seguintes bases: SCIENCE DIRECT com publicações periódicas da Elsevier e de outras editoras científicas; SCOPUS, base de dados e resumos de artigos e citações de literatura científica. Dispõe de serviço especializado de comutação bibliográfica (COMUT e BIREME) e convênios para o acesso ao acervo de outras instituições de ensino superior, pois faz parte do programa de empréstimos entre bibliotecas – Guia de Bibliotecas do Sistema ACAFE, Associação Catarinense de Fundações Educacionais, com mais de um milhão de títulos na sua base. O acervo recebe um tratamento técnico segundo as normas internacionais decatalogação: AACR2 – Código de catalogação Anglo-Americano, em linguagem US MARC (Machine Readable Catalog). A classificação adotada é a CDD – Classificação Decimal Dewey e para o estabelecimento de cabeçalhos de assunto são adotados os padrões da Biblioteca Nacional, organizadas por área do conhecimento.

O gerenciamento bibliográfico é informatizado utilizando o sistema Pergamum. Esse sistema contempla dentre vários recursos:

a) gestão de acervos da Biblioteca;
b) controle de empréstimos e devolução de materiais;
c) serviços on-line de consultas ao acervo, renovação automática de empréstimos e reservas de acervos.

Além disso, de qualquer computador o usuário pode acessar o sistema Pergamum, este recurso permite a realização de reservas, renovação, bem como consulta ao acervo disponível a situação atual e o histórico das obras retiradas, de qualquer biblioteca dos diferentes campi. Os usuários da Biblioteca contam com 148 computadores com acesso à internet e outros 12 computadores para consulta de obras no sistema Pergamum. A Biblioteca da Unoesc oferece aos seus usuários duas formas de acesso ao acervo: a circulação interna e externa e o empréstimo. Conforme política de acessibilidade da Unoesc (Resolução nº 205/Consun/2011), as Bibliotecas dispõem de infraestrutura adequada para portadores de necessidades especiais, tanto de acesso físico, quanto para acesso ao acervo, pois oferece terminais de consulta adaptados e assessoria especializada no atendimento.

O Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da Unoesc prevê investimentos para manutenção e ampliação do acervo bibliográfico, de acordo com os projetos pedagógicos dos cursos da graduação e pós-graduação, e das necessidades indicadas pelos docentes por intermédio das coordenações de curso. A ampliação do acervo se efetiva por meio de duas aquisições anuais e pela contratação e renovações de assinaturas de periódicos e bases de dados.

 

Outras Informações

Além dos laboratórios descritos o Mestrado em Biociências e Saúde possui estrutura composta por:

 

a) Estrutura específica ao programa de Mestrado em Biociências e Saúde:

a.1) Sala da coordenação e secretaria: São duas salas de 12 m² cada, com acomodações exclusivas para a Coordenação e Secretaria, equipadas com móveis, computadores, impressora, telefone e climatização.

a.2) Sala de reuniões: o programa dispõe de uma sala de reuniões climatizada que comporta 24 pessoas, com acesso à internet.

a.3) Sala de professores: Os professores estão distribuídos em salas individuais equipadas com mobiliário, telefone, climatização, computadores com acesso à internet e impressora em rede.

a.4) Salas de aula: 2 salas de aula de 78 m² climatizadas, equipadas com e projetor multimídia, com capacidade para 40 alunos cada estão disponíveis para o Mestrado. Além dessas salas, há um auditório climatizado e com projetor multimídia, para 128 pessoas.

a.5) Sala de estudos e orientações: Estão disponíveis 5 salas equipadas com computadores e internet sem fio, além de salas para estudos na biblioteca do Campus I, conforme descrição anterior.
 

b) Portal de ensino: trata-se de um diferencial de tecnologia de ensino da Unoesc. Por meio de uma plataforma web intuitiva que possibilita ao usuário executar serviços administrativos como matrículas e impressão de relatórios, entre outros. Permite aos alunos acessar e compartilhar material didático, interagir com colegas e professores por meio de fóruns e visualizar conceitos das disciplinas. Possibilita aos professores a comunicação com o aluno, avaliações online e disponibilizar material de apoio.

Este sistema possibilitou a Unoesc ser credenciada pelo MEC para a modalidade de ensino a distância (EAD) em 24 de março de 2009, pela portaria nº 258.
 

c) Editora Unoesc: É órgão da Universidade destinado a dar suporte à publicação da produção científica, técnica, filosófica e artístico-cultural, priorizando aquelas obras que promovam o desenvolvimento humano, socioeconômico e cultural da região. Foi criada em 2005 e conta com 81 títulos de livros publicados e inscritos na Biblioteca Nacional, além de cinco periódicos institucionais. Por meio do Conselho Editorial da Editora Unoesc, tem-se empreendido esforços para inclusão e elevação da classificação dos seus periódicos no sistema Qualis, como indicador de qualidade. Destacam-se dentre os periódicos da Unoesc, as Revista Roteiro, B2 na área de Educação; a Race, B2 na área de Administração, Contábeis e Turismo; a Revista Espaço Jurídico, B1 na área do Direito; a Evidência, B3 na área Interdisciplinar e Unoesc & Ciência ACHS. A Editora participa dos esforços por geração e divulgação de conhecimento científico e tecnológico. Busca parcerias com instituições tanto nacionais quanto internacionais que visem excelência científica em suas publicações. Neste sentido as revistas de divulgação científica, listadas acima, contam com um conselho e comissão editorial compostos por pesquisadores de diferentes Instituições de pesquisa do Brasil, fazendo com que estas revistas apresentem nível de abrangência nacional e recebem da instituição investimentos para a qualificação, contribuindo para a disseminação de conhecimentos em âmbito regional e nacional.
 

d) Política de Acessibilidade: regulamentada pela Resolução nº 205/Consun/2011, dirigida às pessoas com deficiências ou com mobilidade reduzida, garante ajuda técnica para acesso e permanência a todos os ambientes de estudo, pesquisa e extensão da Unoesc. A Resolução determina ainda que todos os espaços e modelos arquitetônicos da Unoesc sigam a legislação específica vigente e as normas da ABNT de acessibilidade. Observa-se que a estrutura física das instalações do Mestrado em Biociências e Saúde está preparada para atender pessoas com deficiências.
 

e) Serviço de Apoio Psicológico (SAP): o Curso de Psicologia presta atendimento a crianças, adolescentes, adultos e idosos por intermédio de alunos que estão no último ano do curso e ou realizando Estágio em saúde, sob a supervisão de professores.
 

f) Atendimentos de Fisioterapia: o Curso de Fisioterapia oferece atendimento a pacientes economicamente carentes mediante os estágios supervisionados por professores nas Clínicas Escolas de Atendimento e Pesquisa em Fisioterapia, localizadas na Universidade, no HUST e em Unidades Básicas de Saúde de cidades da região.

Voltar
Acesse o site da Unoesc pelo seu celular.
Newsletter Unoesc
Envie seu endereço de e-mail para receber nossos informativos.