Notícias Joaçaba Aulas Ensino Graduação

Engenharia Química realiza atividades práticas sobre processos orgânicos industriais

Por: Dhébora Santiago
dhebora.santiago@unoesc.edu.br
14 de Junho de 2017

Com o objetivo de permitir ao acadêmico a concretização e aplicação dos conceitos trabalhados em aula teórica, o curso de Engenharia Química realiza, durante o semestre letivo, aulas práticas do componente curricular “Processos Orgânicos Industriais”. As atividades práticas – extração e purificação de óleo de soja, fabricação de etanol e açúcar – foram realizadas com os estudantes da 8ª fase do curso e contou com a orientação da professora doutora Adriana Biasi Vanin.

No processo de extração de óleo vegetal, os grãos de soja foram previamente desidratados, quebrados, descascados, laminados e extrusados. Após a preparação, procedeu-se a extração com hexano, seguido da evaporação do mesmo. O óleo obtido foi, então, purificado pela separação da lecitina e precipitação dos sais de sódio dos ácidos carboxílicos. Para finalizar o processo procedeu-se a quantificação das proteínas presentes no farelo.

Já a fabricação do etanol iniciou-se com a fermentação do caldo de cana para a transformação dos açúcares do mosto em álcool. Posteriormente, após o término da fermentação, o mosto foi destilado e o etanol obtido foi separado. A fabricação de açúcar procedeu-se pelo processo de evaporação da água e concentração do açúcar.

Segundo a professora Adriana Biasi Vanin, as atividades foram bastante produtivas e permitiram a aplicação dos conhecimentos trabalhados em sala. Para a coordenadora do curso, professora Eduarda de Magalhães Dias Frinhani, as aulas práticas também possibilitaram a realização de atividades em equipes, habilidade importante para a carreira profissional, além do desenvolvimento do senso de organização, controle do tempo e despertar do espirito cientifico.

Os acadêmicos Claudiomar Andrades e Camile Mascarenhas afirmaram que vivenciar na prática as transformações químicas, facilita o entendimento das etapas e o desenvolvimento por inteiro do experimento.

— As aulas práticas são sempre muito boas, pois conseguimos ver as coisas acontecendo, o que leva ao melhor e mais fácil entendimento daquilo que estudamos — comentou Camile Mascarenhas.

Galeria de Fotos

Comentários

Voltar Imprimir Notícia
Acesse o site da Unoesc pelo seu celular.