Doutorado Acadêmico em Administração

Projetos Integradores

Influência dos agregados macroeconômicos sobre o desempenho de empresas

Docente: Augusto Fischer

Descrição: Além da circulação de bens e serviços, e consequente dinamização da geração de riquezas, as atividades empresariais contribuem com a geração de emprego e renda para a sociedade. Entretanto, infere-se que as oscilações econômicas com efeitos imediatos nas taxas de juros, nos níveis de renda e emprego, nas decisões de políticas fiscais, monetárias e creditícias, refletem diretamente no desempenho operacional, econômico, financeiro e geral das empresas em geral. No escopo deste Projeto integrador, característico da pesquisa da docente, destaca-se que está em andamento o Projeto: Influência dos agregados macroeconômicos sobre o desempenho de empresas do setor varejista.

Competitividade da Pequena Empresa

Docente: Carlos Eduardo Carvalho

Descrição: O interesse principal neste projeto de pesquisa é a identificação de antecedentes do desempenho na pequena e média empresa, seja o desempenho econômico-financeiro, ou aquele mensurado por outras dimensões da vida organizacional. Os temas preferenciais são competitividade, estratégia, orientação empreendedora, recursos e capacidades, os quais se interligam em estudos principalmente quantitativos, que objetivam a identificação de fatores relacionados ao desempenho e competitividade da pequena e média empresa.

Estratégia e Negócios internacionais

Docente: Cláudia Sofia Frias Pinto

Descrição: Envolve a vertente da estratégia empresarial e dos negócios internacionais.  O objetivo deste projeto é contribuir para a compreensão do comportamento estratégico das empresas, com interesse especial nas empresas de países emergentes e da América Latina. Especificamente, entender a influência do ambiente de negócios (contexto institucional, cultural, econômico, competitivo, etc.) nas estratégias e ações das empresas. O foco está nas teorias, atuação estratégica, processos de internacionalização e interfaces institucionais.

Competitividade e Melhoria de Desempenho Organizacional

Docente: Darlan José Roman

Descrição: O objetivo deste projeto de pesquisa é investigar quais são as condições específicas da fase de implementação de sistemas de melhoria de desempenho organizacional, de forma a debater aspectos gerais e locais decisivos para estas iniciativas. Há indícios na literatura sobre altos níveis de insucesso nos programas de mudança planejada empreendidos pelas organizações, o que causa, dentre outros resultados, perda de competitividade devido ao desperdício de recursos envolvidos na mudança e perda de vantagem competitiva. Os procedimentos metodológicos serão orientados a partir da abordagem da Teoria Fundamentada em Dados - GroundedTheory. Os estudos ligados a este projeto visam contribuir para melhor entendimento sobre aspectos envolvidos no desenvolvimento organizacional, impactos na melhoria de desempenho e manutenção ou obtenção de vantagem competitiva.

Cooperação e Sustentabilidade

Docente: Eliane Salete Filippim

Descrição: Este projeto visa pesquisar a cooperação em diferentes arranjos associativos intra e interorganizacionais. Analisa o desenho e a natureza da articulação e coordenação entre atores individuais e coletivos, com foco especial para os fatores que permitem a sustentabilidade e continuidade da cooperação. Ocupa-se do estudo das formas articuladas e coordenadas de cooperação, tais como: consórcios públicos, redes de cooperação, processos de regionalização e demais mecanismos de cooperação territorial. Também se preocupa com a cooperação e com o desenvolvimento de pessoas para suportar a inovação e a sustentabilidade seja de organizações, seja de territórios. A abordagem preferencial é a da pesquisa qualitativa. Como resultados são desejados estudos referentes à cooperação multinível para a sustentabilidade, com estudos voltados para temas como: consórcios públicos; liderança e aprendizagem organizacional. Este projeto conta com a colaboração de uma rede de pesquisadores cujas Universidades têm protocolo de cooperação com a Unoesc: Universidade do Minho, Braga, Portugal; Universidade do Vigo, Espanha Universidade ORT, Montevidéu Uruguai. A pesquisadora também coopera no escopo deste projeto, com o pesquisadores da EAESP/FGV/SP.

Recursos e capacidades para inovação e vantagem competitiva

Docente: Fábio Lazzarotti

Descrição: O tema central deste projeto trata da identificação e análise dos recursos utilizados pelas organizações para o desenvolvimento da inovação e sua relação com o desempenho econômico-financeiro. O uso combinado das teorias dos recursos e das capacidades organizacionais, com enfoque nas capacidades inovativas e tecnológicas, gerenciais e de marketing integram o escopo do estudo, com o propósito de mensurar e investigar o output das organizações inovadoras e o respectivo impacto no desempenho para a geração de vantagem competitiva. A metodologia adotada nas pesquisas tem como abordagem predominante a pesquisa quantitativa e o uso da técnica de modelagem de equações estruturais. Nos estudos relacionados à inovação, utiliza-se também da abordagem de pesquisa qualitativa. Os resultados alcançados são a revisão de teorias subjacentes à inovação e estratégia empresarial, bem como a aplicação de conceitos na pesquisa organizacional, visando contribuir na construção da vantagem competitiva.

Inovação e Sustentabilidade

Docente: Fernando Fantoni Bencke

Descrição: Este projeto de pesquisa visa compreender a natureza das transformações e das inter-relações entre as esferas institucionais da universidade, indústria e do governo. Busca-se pesquisar a interação entre atores, universidade-governo-empresa e seus ambientes de inovação, à promoção de práticas inovadoras que impactam na sustentabilidade das organizações e regiões. Os estudos são realizados por meio de abordagem qualitativa. Os principais resultados esperados estão relacionados à identificação e compreensão dos princípios e fundamentos da inovação e da sustentabilidade resultantes da interação entre universidade, governo e empresa.

Empreendedorismo e Mobilidade no Território: identidades de empreendedores imigrantes e de repatriados e efeitos sobre os empreendimentos e sobre o território local

Docente: Hilka Pelizza Vier Machado

Descrição: O objetivo geral desta pesquisa consiste em compreender identidades de empreendedores imigrantes de diferentes etnias e de repatriados, a fim de conhecer as identidades e identificar os efeitos destas sobre os empreendimentos criados e sobre o território local. Como objetivos específicos o projeto pretende: a) identificar a influência da imigração e da repatriação sobre a criação de empreendimentos; b) descrever o processo de criação de empreendimentos por repatriados e por imigrantes; c) identificar dificuldades encontradas por repatriados e por imigrantes para criação de negócios; d) identificar tipos de conhecimentos e de contatos oriundos dos processos de imigração e de repatriação e a influência destes nos empreendimentos: e) identificar efeitos sobre o local e sobre os empreendimentos de empreendedores repatriados e imigrantes. A pesquisa será qualitativa e o contexto de pesquisa serão os estados de Santa Catarina e do Paraná. Os métodos de pesquisa a serem empregados serão o estudo de caso e a grounded theory. Espera-se que os resultados contribuam para evidenciar o papel de empreendedores imigrantes no território local, bem como para a elucidação de valores de pequenos negócios associados a empreendimentos criados por imigrantes e por repatriados. Quanto aos repatriados, espera-se que a pesquisa contribua para explorar os efeitos da expatriação e da repatriação na criação de negócios e na dinâmica de territórios. A pesquisa trará contribuições para formulação de políticas de apoio e de estímulo à criação de negócios por imigrantes e por repatriados.

Maturidade na Gestão de Organizações

Docente: Gerson Tontini

Descrição: Este projeto guarda-chuva procura desenvolver diferentes modelos para avaliação do grau de maturidade de organizações no escopo da estratégia organizacional. Tem como objetivo analisar modelos de maturidade em inovação e sua relação com o desempenho organizacional, por meio de processos dinâmicos e de aprendizagem, abordando a visão baseada em recursos – RBV e a visão de capacidade dinâmicas (DCV).  Tem como base de modelos maturidade em inovação, o modelo ICMMv2, sugerido por Essmann (2009). A pesquisa é delineada em duas etapas: a) o refinamento do modelo de maturidade, por meio de estudo de caso em uma empresa; b) pesquisa quantitativa, definindo por meio do nível de maturidade organizacional a relação das capacidades em inovação e o desempenho em inovação. Abordagem qualitativa para a verificação da primeira etapa da pesquisa, sendo desenvolvido o modelo com a definição da maturidade e meta competitiva. A segunda etapa, por meio de análise quantitativa de equações estruturais, identifica as possíveis influencias das capacidades no desempenho em inovação.

Desempenho Organizacional e Sistemas de Controle Gerencial

Docente: Ieda Margarete Oro

Descrição: Os Sistemas de Controle Gerencial são alavancas gerenciais que correspondem a procedimentos e sistemas de avaliação de desempenho que utilizam informações financeiras e não financeiras para alterar ou manter as atividades da organização. Alavancas Gerenciais são mecanismos de interação que, alinhadas, fornecem medidas de orientação para o processo de alinhamento da estratégia e desempenho. Além das alavancas gerenciais, a tensão dinâmica é gerada na organização para criar tensões que serão conciliadas e equilibradas para permitir o controle efetivo da estratégia de negócios. Assim, a pesquisa tem como objetivo avaliar a relação dos Sistemas de Controle Gerencial com as tensões dinâmicas organizacionais e seu impacto no desempenho das organizações.

Gestão Estratégica de Pequenas e Médias Empresas

Docente: Nelson Santos Machado

Descrição: Este projeto tem por objetivo compreender a formação da estratégia em pequenas e médias empresas. Dentre os interesses de pesquisa destacam-se a identificação de trajetórias organizacionais que alicerçam modelos de planejamento estratégico, os conjuntos explicativos que conduzem a utilização ou não do planejamento estratégico e as características da formação da estratégia deliberada e/ou emergente. Investiga-se também o conjunto de ações decorrentes das respostas da organização à interação com o ambiente. Os procedimentos e abordagens metodológicas são predominantemente qualitativas, preferindo o uso da pesquisa-ação, visando estudar a formação da estratégia como elemento fundamental da ação organizacional. Como produto destas pesquisas, busca-se o aprimoramento da compreensão das bases e fundamentos do planejamento estratégico flexível, participativo, acessível, dinâmico e adequado às demandas de sustentabilidade, competitividade e inovação das organizações, sobretudo das pequenas e médias empresas.

Planejamento e desenvolvimento regional

Docente: Rógis Juarez Bernardy

Descrição: As atividades de pesquisa têm como objetivo aportar teoria e metodologia a eixos temáticos relacionados ao planejamento e desenvolvimento regional, sendo centrados em dois focos preferenciais: i) investigação de indicadores para a caracterização, monitoramento e tendências da mobilidade populacional regional e aporte para competitividade dos investimentos de organizações; ii) pesquisa de bases para dar suporte ao planejamento e a gestão sustentável de municípios brasileiros. Nos procedimentos metodológicos se utilizam abordagens qualitativas e quantitativas, por meio do estudo e uso indicadores de desenvolvimento sustentável, recursos de diagnósticos e monitoramentos de dados, conjugadas com técnicas avançadas de geoprocessamento. Como resultados, as pesquisas aportam para o a análise e desenvolvimento de políticas públicas no âmbito regional, bem como para estudos que podem orientar investimentos empresariais, com vista à competitividade, bem como a melhoria da gestão urbana e da qualidade de vida das populações.

Competitividade e governança em cooperativas e redes

Docente: Silvio Santos Junior

Descrição: A pesquisa tem como objeto de estudo a dinâmica da competitividade e a governança em cooperativas e redes. O estudo tem caráter multidisciplinar, considerando as dimensões econômicas, institucionais, sociais e ambientais, que influenciam nas dinâmicas competitivas e na governança, influenciando arranjos intra e interorganizacionais. Trata-se de pesquisas quantitativas que se servem de técnicas estatísticas e indicadores para correlacionar variáveis das dimensões do estudo, e busca entender e prever o comportamento do objeto de estudo. Os resultados da pesquisa buscam orientar a construção de modelos teóricos e métodos de gestão que levem em conta as variáveis intervenientes, de forma integrada e sistêmica, considerando a complexidade, a heterogeneidade e a sustentabilidade do objeto.

PESQUISA EM Sustentabilidade

Docente: Simone Sehnem

Descrição: Pesquisar sobre sustentabilidade, economia circular, operações sustentáveis e inovações sustentáveis. As perspectivas teóricas que suportam esses estudos são: Visão da Empresa Baseada em Recursos e Teoria dos Stakeholders.

Voltar
Acesse o site da Unoesc pelo seu celular.